08/08/2020



Corpo de Bombeiros faz apelo à população para diminuir queimadas no Pantanal

Já são mais de 2500 focos de incêndio na região, maior número registrado na história pelo Inpe

Por Redação - 24/julho/2020 - 7:58 | 0 comentários
Colunas


As queimadas no Pantanal já atingiram o maior número registrado pela série histórica do Programa Queimadas do Inpe, que é o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais. Com quase dois mil hectares já queimados na região, o comandante do Corpo de Bombeiros de Mato Grosso do Sul, Coronel Joilson Alves do Amaral, fez um alerta à população da região.

“Estamos no período de estiagem, com previsão de chuva só para o mês de outubro. Por conta disso, é muito importante a colaboração da população para evitarmos o agravamento das queimadas urbanas e florestais no nosso Estado. Mais de 90% das queimadas tem como causa a ação humana”.

O comandante citou algumas situações, que podem até fazer parte do cotidiano da população, mas que neste momento de estiagem, é preciso que sejam evitadas.

“Pedimos a todos que ajudem o Corpo de Bombeiros não ateando fogo em pastagens, em terrenos baldios, em amontoados de lixo ou folhas secas. Evitem a produção de fumaça que tanto nos incomoda nesse período. Em caso de emergência, ligue 193”

Além da conscientização, é preciso que a população se envolva no combate aos incêndios e comunique rapidamente às autoridades caso registrem algum foco.

De janeiro a junho deste ano, já foram registrados no Pantanal 2.534 focos de incêndio, um aumento de 158% em relação ao ano passado.


Deixe um Comentário




Veja também