24/09/2020



Mato Grosso do Sul se aproxima dos 30 mil casos de Covid-19

Mais 16 mortes foram registradas nesta quinta-feira

Por Redação - 06/agosto/2020 - 12:43 | 0 comentários
Cotidiano


O boletim epidemiológico da Secretaria Estadual de Saúde (SES) confirmou 786 novos registros de Covid-19 em Mato Grosso do Sul nas últimas 24 horas. O estado atingiu nesta quinta-feira (6) 29.101 casos.

O secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, ao analisar esses dados, disse que Mato Grosso do Sul se aproxima rapidamente dos 30 mil casos e que a disseminação do novo coronavírus continua tendo um crescimento acelerado no estado.

Outra informação apresentada pelo boletim foi a de mais 16 mortes por Covid-19. São 6 de Campo Grande, 4 de Corumbá e 1 de Ladário, Caarapó, Dourados, Aquidauana, Anastácio e Costa Rica, cada.

Mato Grosso do Sul chegou a 458 mortes provocadas pelo novo coronavírus, sendo 51 no mês de agosto.

Com 337 casos confirmados nesta quinta, Campo Grande, considerada epicentro da doença em Mato Grosso do Sul, totaliza 11.795 registros de covid-19, 40,5% do registrado pelo estado.

Dos casos confirmados, 5.712 são ativos. Entre eles, 5.215 infectados estão cumprindo isolamento domiciliar e 497 estão internados, sendo 204 em unidades de terapia intensiva (UTI’s).

A taxa de ocupação de leitos de UTI do Sistema Único de Saúde (SUS) é de 60% no estado. Duas cidades têm índices mais elevados. Campo Grande, com 94% e Corumbá, 77%.

Em contrapartida, 22.931 pessoas se recuperaram da Covid-19, 78,7% dos que se infectaram com o coronavírus em Mato Grosso do Sul.

De acordo com a SES, o estado tem 7.196 casos suspeitos da doença. São 2.144 que aguardam na fila do Laboratório Central (Lacen), em Campo Grande, e 5.052 que não foram encerrados pelos municípios.

Desde o início da pandemia o estado já realizou 128.999 testes para detecção da Covid-19.

Nesta quinta-feira, o secretário estadual de saúde anunciou a ampliação da testagem no drive thru montado no quartel do Corpo de Bombeiros em Campo Grande. Segundo ele, serão 150 testes do tipo RT-PCR que serão realizados por dia no período noturno, das 18h30 às 23h30. A unidade já faz 108 exames diários desse mesmo sistema.

Ele apontou que esse incremento na testagem e para fazer frente ao aumento da demanda em razão da expansão da doença na cidade.

Resende adiantou que a SES em parceria com a Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS) está formando um projeto piloto em Mato Grosso do Sul que vai possibilitar que sejam monitorados tanto a situação dos casos confirmados que estão em isolamento domiciliar quanto da rede de contatos dessas pessoas.


Deixe um Comentário




Veja também