02/12/2020



Santa Casa anuncia suspensão de cirurgias eletivas por falta de dinheiro

Diretor alega que a dívida do Município com o hospital é de R$ 18 milhões

Por João Paulo Ferreira - 30/outubro/2019 - 9:45 | 1 comentário
Cotidiano


A Santa Casa de Campo Grande comunicou em coletiva de imprensa na última terça-feira (29), a suspensão das cirurgias eletivas, que são as cirurgias que não são emergenciais ou são agendadas.

De acordo com o diretor do hospital, Esacheu Nascimento, o hospital realiza mais de 120 cirurgias por dia. E alegou falta no estoque de medicamentos por falta de dinheiro.

“Quem tem que nos pagar é o município de Campo grande. Hoje a dívida está em R$ 18 milhões, e se considerarmos os atendimentos prestados aos servidores públicos municipais através do Instituto Municipal, a dívida é de R$ 24 milhões. Chegamos a um ponto em que nosso estoque só dá para os próximos 7 dias, por isso a suspensão das cirurgias eletivas”.



Um Comentário

  1. Marta Hahn Rodrigues disse:

    Se uma pessoa que está com hemorragia a mais de 3 anos não for emergência então não sei uque é urgência palhaçada


Deixe um Comentário




Veja também