20/10/2020



Volta das aulas presenciais na rede pública deve acontecer ainda em 2020 no Mato Grosso do Sul

Protocolos estão sendo elaborados e a volta depende do cenário da pandemia no Estado

Por Redação - 24/setembro/2020 - 7:57 | 0 comentários
Cotidiano


Alguns estados do país já começaram a liberar o retorno das aulas presenciais e a volta na rede estadual de ensino pode ser uma realidade ainda neste ano em Mato Grosso do Sul. A SED (Secretaria de Estado de Saúde) afirma que protocolos estão sendo elaborados e a volta às aulas presenciais só depende do cenário da pandemia em MS.

A secretária de educação Maria Cecília Motta afirma que é possível que as aulas retornem ainda neste ano, porém é necessário aguardar o posicionamento do programa Prosseguir (Programa de Saúde e Segurança na Economia).  “A volta vai depender da pandemia, vários estados estão voltando e a pandemia está estabilizando, mas é necessário aguardar o posicionamento do Prosseguir”, diz a secretária.

O programa promete recomendações para manutenção ou suspensão de atividades nos municípios, como forma de conter aglomerações e, assim, evitar a proliferação do coronavírus.

O método se baseia em 10 indicadores fornecidos pelos próprios municípios, que são avaliados e resultam nas orientações –seguindo fórmula defendida pela Opas (a Organização Pan-Americana da Saúde, braço da Organização Mundial de Saúde).

Motta explica que a equipe do Governo deve consultar as recomendações do Prosseguir na primeira semana de outubro, para definir os próximos passos. O parâmetro que vai determinar a volta das aulas presenciais ainda não foi definido.

“Estamos elaborando os protocolos para quando voltar. Não só o protocolo de biossegurança, mas também da questão normativa, cognitiva e socioemocional, é um protocolo extenso”, frisa.

Fetems defende aulas remotas

Enquanto a SED elabora protocolos para a volta, a Fetems (Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul) defende que as aulas remotas continuem até o fim do ano. O presidente da federação, Jaime Teixeira explica que uma reunião com o Comitê Estadual Provisório de Volta às Aulas será realizada na quinta-feira (24), às 9 horas.

“Ainda não há condições para volta das aulas presenciais. Temos que nos organizar para voltar no ano que vem, se for possível”, defende.

Aulas na rede municipal de Campo Grande

A Semed (Secretaria Municipal de Educação) explica que ainda não há previsão de quando as aulas presenciais serão retomadas na rede municipal de Campo Grande. De acordo com a Secretaria, há uma Comissão Municipal de Gerenciamento da Pandemia, que discute as medidas de segurança e também as ações a serem desenvolvidas na área da educação para este ano e o próximo.

“A primeira reunião aconteceu no dia 31 de agosto, porém ainda não há plano de biossegurança ou outras ações concretizadas, pois tudo está na fase inicial. Outra reunião deverá ocorrer em breve, ainda sem data definida”, informou, por nota.

  1. A Semed afirma que criou uma comissão de retorno às aulas, que deve definir estratégias para o retorno, enfocando aspectos cognitivos, sócio emocionais, normativos e de biossegurança. “A pasta organiza projeto de recuperação paralelo para os alunos no ano letivo de 2021, no contraturno. Porém tudo ainda está em estudo e será definido no momento oportuno”.

Com informações do site Midiamax


Deixe um Comentário




Veja também