09/04/2020



Placa do Mercosul tem um dos preços mais altos do país no Mato Grosso do Sul

Enquanto no MS valor chegava até a R$ 300, no Paraná o par pode sair a R$ 160

Por João Paulo Ferreira - 04/fevereiro/2020 - 16:27 | 1 comentário
Cotidiano


O Procon de Mato Grosso do Sul se reuniu na manhã desta terça-feira (4) com representantes das empresas responsáveis pelas novas placas do Mercosul no estado. O objetivo era encontrar uma solução para o problema dos preços altos. Um par de placas do Mercosul pode custar até R$ 300 para o consumidor.

Durante o encontro, representantes de duas empresas se comprometeram a reduzir os valores, para R$ 272 e 268, o par, respectivamente. O superintendente do Procon, Marcelo Salomão, explicou que outros estados estão praticando as placas do Mercosul há mais tempo, que os preços estão se estabilizando, e o que mesmo pode ocorrer também em Mato Grosso do Sul.

“Os preços vão cair ainda mais, pesquisar é importante, nós estamos fazendo nosso trabalho, mas quem tem a principal arma é o consumidor”, disse.

Enquanto no Mato Grosso do Sul os valores do par da placa do Mercosul oscilavam entre R$ 280,00 a R$ 300,00, no Paraná a variação vai de R$ 160,00 a R$ 200,00. No Mato Grosso vai de R$ 200,00 a R$ 230,00, em Santa Catarina os custos são de R$ 200,00, no Rio de Janeiro de R$ 179,00 e São Paulo R$ 250,00.

A substituição das placas passa a ser obrigatória nos casos de primeiro emplacamento, mudança de categoria, transferência de titularidade, mudança de unidade federativa, roubo, furto, dano ou extravio da placa. Em Mato Grosso do Sul seis empresas estão credenciadas para realizar o serviço, sendo quatro na Capital e duas em cidades do interior, em Dourados e Três Lagoas.



Um Comentário

  1. Samuel Cabral disse:

    Qual endereços das empresas de fazem as placas.


Deixe um Comentário




Veja também